sexta-feira, 4 de outubro de 2013

"uma ex namorada um dia me olhou no olho e perguntou:

alex, você precisa de mim?


e eu dei a única resposta possível:

não.

ela fez aquela cara de cachorro sem dono, e eu expliquei:

claro que não preciso de você, ué. e nem você de mim. somos dois seres humanos adultos e independentes que se sustentam. eu te amo muito e estou com você por escolha própria. quando nosso relacionamento fatalmente terminar, seja por iniciativa minha, sua ou mútua, eu vou sofrer e ficar triste (porque te amo e escolhi estar com você, mesmo que tenha depois desescolhido ou sido desescolhido) mas, em breve, a vida vai voltar ao normal, e vou conhecer outra pessoa, e vou dar outro primeiro beijo, e serei feliz novamente. então, não, meu amor, não preciso de você para nada.

ao que ela tascou: porra, alex, você não é nada romântico!

e eu:

poxa, acho muito mais romântico estar com alguém 100% por minha livre e espontânea vontade de adulto independente do que, cruz credo, estar com alguém porque preciso da pessoa. como isso pode ser bom, saudável, positivo, romântico?

aliás, preciso para quê? preciso como? por muleta emocional? pra pagar as contas? por que só essa outra pessoa me atura?

não quero nunca estar com alguém que precise de mim. quero pessoas que estejam comigo por vontade própria e que se sintam livres e capazes de irem embora a qualquer momento."



Alex Castro